maru camgirl camerahot
Apelido
Idade
25 anos.
Desde quando você é Camgirl?
Dia 27 de fevereiro de 2016.
Sente tesão durante os atendimentos?
Acredito que a experiência do sexo no chat é uma troca, assim como se estivéssemos nos relacionando corpo a corpo, portanto, quando a pessoa que está comigo me estimula, vai falando comigo de uma maneira cordial e ao mesmo tempo sexy, eu fico SIM com muito tesão e me entrego completamente para que o outro sinta a minha vibração, sinta o tesão que eu estou sentindo. Quando isso acontece, meu corpo queima, eu sinto como se a pessoa estivesse ali comigo, fico enlouquecida, sinto meu corpo inteiro tremer até que gozo e chego a perder as forças.
Pedido que mais te deixa com tesão:
Se tem uma coisa que me deixa com muito tesão é quando me pedem para contar minhas experiencias sexuais, me fazem relembrar momentos muito excitantes da minha vida, isso me faz ir à loucura, houve muitas vezes em que gozei contando algumas dessas histórias!
Coisa mais legal que já te pediram:
Quando me pediram para fantasiar em uma brincadeira que eu era uma secretaria e ele o chefe, vesti uma roupa bem comportada, mas que ainda assim ressaltava as curvas e um salto, fiz um coque no cabelo, uma típica secretária, fizemos toda uma encenação improvisada, na qual nos seduzíamos lentamente, como por exemplo uma breve massagem no ombro da secretária dizendo que ela podia ir para casa, e conforme foi andando a brincadeira, secretária e chefe acabam transando em cima da mesa do escritório. Eu gozei muito intensamente nesse dia!
Posição preferida no sexo virtual:
Eu gosto de me sentar/deitar de frente para a webcam com as pernas afastadas, me sinto linda nessa posição e consigo brincar confortavelmente, de forma que acabo conseguindo me entregar mais, principalmente num primeiro momento da brincadeira em que estamos só começando, consigo imaginar por exemplo aquele momento delicioso inicial que eu recebo um oral, que aliás eu AMO! “De ladinho” eu também gosto muito, e sentadinha de costas, mas com o rostinho virado para a web.
Brincadeira erótica que mais gosta:
Gosto quando a pessoa “me leva”, e me diz coisas como “imagine eu por trás de você, agarrando sua cintura com uma mão e colocando seu cabelo para o lado com a outra, vou começar a beijar seu pescoço e ao mesmo tempo colocar uma de minha mãos no seu seio..” e por aí vai. Eu fico completamente louca, passando minha mão no meu pescoço, sentindo como se realmente aquilo estivesse acontecendo, me sentindo na cena. Gosto de dar tesão e de sentir também, de sentir que estou realmente dividindo aquele momento com aquela pessoa, um momento só nosso.
Primeiro fetiche que realizou no site:
Parece clichê, mas JURO que não é! Desde adolescente eu sempre gostei de me exibir, com 16 anos, quando via o filho da vizinha da frente saindo na varanda eu aproveitava pra trocar de roupa com a janela bem aberta, como se eu não estivesse vendo, gostava de provocar de maneira despretensiosa, me fazendo de inocente, com cara de sapeca que não queria nada, só deixar a pessoa morrendo de vontade. Então meu maior fetiche sempre foi me exibir e eu realizo isso todos os dias quando abro minha sala no CameraHot!
Fetiche que sonha realizar no chat:
Ainda não descobri algo que eu queira realizar, me surpreendo a cada dia com as possibilidades e formas de prazer, mas algo específico que ainda não tenha experimentado, no momento ainda não sei dizer.
Como provocar os usuários?
Acredito que cada mulher tem sua arma para seduzir, mas particularmente, gosto de agir com naturalidade e descontração, sorrir, ser simpática, usar de gestos como jogar ou mexer no cabelo, deslizar as mãos pelo corpo de forma sutil, na verdade, ser eu mesma quando o assunto é seduzir alguém. Como já citei, com naturalidade! Seja você mesma e transpire sensualidade!
Indique um filme, banda e livro.
O Labirinto do Fauno, pra quem gosta de literatura fantástica assim como eu, uma fábula sombria, cheia de metáforas e alegorias, um filme no qual realidade e fantasia se completam. O livro que eu indico é Contos Peculiares de Ransom Riggs, um livro de fácil leitura, uma coletânea de contos e fábulas e novamente uma obra recheada de metáforas e que nos levam a reflexões sobre vida real, muitíssimo interessante.
Quanto à musica, descobri há alguns dias e estou viciada em Bishop Briggs, mas é uma pessoa e não uma banda, então como banda indico BTS.
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui