Amor

(por Iza’Belly)

Poema da musa apaixonada: Iza'Belly
Poema da musa apaixonada: Iza’Belly

No início, tinha medo.
Tinha receios, tinha vontades e desejos…
Depois, chegou o tesão.
Mas era tesão com medo.
O medo me excitava, me enfraquecia, me encorajava, me deixava com muito mais tesão.
Mais excitada!
Me proporcionou orgasmos múltiplos às escondidas.
O escondido era gostoso, era só meu…
O prazer tomou conta do meu corpo. Os desejos me controlavam.
Mas, o que era só meu já não era mais, tinha que ser dividido…
No momento da partilha, o coração aparece e me conta que tem muito mais sentimentos e sensações do que apenas prazer e orgasmos… tem um algo a mais!
Agora tem um cuidado, tem um bem querer, tem um preocupar…
Tem um “eu te adoro”, quando se dá um boa noite… e, quando tudo se cala,
A vontade é dizer: “Te Amo”!
Agora tem Medo, Prazer, Orgasmos… e tem AMOR!!!

_MG_5398

Iza’Belly

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui